BRASÍLIA

FOCO NA EDUCAÇÃO

FOCO NA EDUCAÇÃO! Comunidade educacional na lista de prioridade da vacina contra o Covid-19, diz MEC

Publicados

FOCO NA EDUCAÇÃO

Postado por Silvana Scórsin Profissionais do ensino fundamental são contemplados O Ministério da Educação (MEC) anunciou que, após apelo da categoria, profissionais da educação que lidam diretamente com estudantes do 1º e 2º ano do ensino fundamental foram incluídos no grupo prioritário para receber a vacina contra Covid-19. Conforme consta em documento, a vacinação desses profissionais deve acontecer o quanto antes. “Assim, considerando a relevância da retomada das aulas presenciais, com vistas à oferta do ensino de qualidade e ao ambiente de aprendizagem seguro, ressalta-se a importância da inclusão da comunidade escolar, compreendida por estudantes, profissionais da educação e colaboradores nos grupos prioritários para a vacinação contra o novo coronavírus”, enfatiza um trecho. Em relação ao possível retorno às aulas, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou que “o governo federal planeja metas para o retorno gradual ao ensino presencial, mas que esse retorno não acontecerá a qualquer preço e, sim, com critérios e decisões que respeitem a dimensão continental do Brasil e as diferentes condições sanitárias das regiões”. O MEC participou de Comitê de Crise do governo federal para Supervisão e Monitoramento dos Impactos da Covid-19, defendendo a importância da comunidade escolar na implementação da estratégia nacional de imunização. O ministrou afirmou, ainda, que no momento não é possível firmar datas, tendo em vista a atual situação da pandemia de Covid-19, e que o assunto depende de cada situação local. Retorno híbrido Dados da pesquisa da ABED mostram que 68% dos estudantes preferem aguardar a vacina antes de retornar às aulas presenciais e 40% acreditam que o ensino híbrido é a melhor opção para o pós-pandemia. Levantamento conduzido pela Fundação Lemann Dentre mostrou que como uma das alternativas para salvar o ano letivo, 92% dos pais defendem a continuidade das atividades virtuais em casa, em conjunto com as aulas presenciais (ensino híbrido). Diante da impossibilidade de aulas presenciais, como medida de proteção contra o novo coronavírus, as aulas via internet se tornaram ferramentas aliadas para o ensino. Segundo o MEC, mais de 76 mil escolas públicas, em cerca de cinco mil municípios, receberam verbas do programa Educação Conectada para implementar projetos de educação a distância, com investimento total de aproximadamente 250 milhões de reais. Muitas escolas particulares já adotaram medidas de proteção para o retorno às aulas. A instituição Neo Gênesis Colégio e Curso, localizada em João Pessoa, é uma das que estão preparadas para receber os estudantes com toda a segurança exigida pelos protocolos de prevenção à Covid-19. “Estamos seguindo todas as recomendações ditadas pelo governo. Tomamos todos os cuidados para não haver aglomeração, cuidados com a sinalização, disponibilização de álcool em gel, modificamos o bebedouro para facilitar que os alunos bebam água em garrafinhas individuais e vamos fechar algumas áreas da escola”, diz o diretor Phelipe Ferreira. Fonte: Agência Educa Mais Brasil

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  FOCO NA EDUCAÇÃO-Convocação de nomes da lista de espera do Fies termina nesta sexta-feira (17)
Propaganda

FOCO NA EDUCAÇÃO

FOCO NA EDUCAÇÃO – Inep divulga resultados da primeira etapa do Revalida 2022

Inscrições dos aprovados para segunda etapa começam na amanhã

Publicados

em

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou a consulta do resultado da primeira etapa do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) 2022. Quem for aprovado nesta etapa poderá se inscrever, a partir de amanhã (13), na segunda.

A primeira parte do exame foi aplicada no dia 6 de março em oito cidades. Também estão disponíveis no  Sistema Revalida as respostas sobre os recursos referentes aos resultados preliminares da prova discursiva.

Os candidatos aprovados na prova teórica que reprovaram na parte prática das edições 2020 ou 2021 do Revalida também podem se inscrever diretamente na etapa de habilidades clínicas do Revalida 2022.1. A aplicação ocorrerá nos dias 25 e 26 de junho.

Sobre o Revalida

Aplicado desde 2011 pelo Inep, o Revalida busca subsidiar a revalidação, no Brasil, do diploma de graduação em medicina expedido no exterior. O exame é composto por duas etapas (teórica e prática) que abordam, de forma interdisciplinar, as cinco grandes áreas da medicina: clínica médica, cirurgia, ginecologia e obstetrícia, pediatria e medicina da família e comunidade (saúde coletiva).

Leia Também:  FOCO NA EDUCAÇÃO - Curso gratuito sobre mercado digital da Hiring Coders está com inscrições abertas

Para participar da segunda etapa, é necessário ter sido aprovado na primeira, que contempla as provas objetiva e discursiva. As referências do exame são os atendimentos no contexto de atenção primária, ambulatorial, hospitalar, de urgência, de emergência e comunitária, com base na Diretriz Curricular Nacional do Curso de Medicina, nas normativas associadas e na legislação profissional. O objetivo é avaliar as habilidades, as competências e os conhecimentos necessários para o exercício profissional adequado aos princípios e necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

* Com informações do Ministério da Educação

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO ATUALIDADES

FOCO CIDADES

EMPREENDEDORISMO

CULTURA E EVENTOS

SAÚDE E BEM ESTAR

MAIS LIDAS DA SEMANA