BRASÍLIA

FOCO NA EDUCAÇÃO

Privatizações em 2019!

Publicados

FOCO NA EDUCAÇÃO

O ministro da Economia, Paulo Guedes anunciou o plano de Privatizações na noite desta terça-feira. “Vamos acelerar”. A lista das novas empresas a serem privatizadas foi revelada nesta quarta-feira, são: 1-Correios 2- Eletrobras 3 – Telebras 4 – Casa da Moeda 5 – Empresa Brasil de Comunicação (EBC) 6- Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex) 7- Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) 8- Empresa Gestora de Ativos (Emgea) 9- Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias (ABGF) 10- Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) 11- Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev) 12- Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) 13- Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. (Trensurb) 14- Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerias de São Paulo (Geagesp) 15- Centrais de Abastecimento de Minas Gerais (Ceasaminas) 16- Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) 17- Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec) Para ele, o ideal seria fazer mais dois ou três negócios do tipo. “Nós vamos seguir (com as privatizações), é um tempo bom, vai dando certo. Ano que vem tem mais”, completou o Ministro sobre as privatizações. Aos trabalhadores restam dúvidas sobre as transições, demissões e aproveitamentos! Muita ansiedade aos servidores públicos destas empresas, muitos que são regidos pela CLT, como é o caso dos funcionários dos Correios! Capital em Foco, acompanha todo o processo para poder esclarecer o futuro desses profissionais!

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  FOCO TECNOLOGIA- Paraquedas balísticos teriam salvo a vida da cantora Marília Mendonça?
Propaganda

FOCO NA EDUCAÇÃO

FOCO NA EDUCAÇÃO – Enem 2022: opção da versão impressa ou digital da prova deve ser feita na inscrição

No ato da inscrição, o estudante precisa sinalizar a opção desejada

Publicados

em

Com a aproximação do fim do prazo das inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que podem ser feitas até 27 de maio, muitos estudantes ainda têm dúvidas sobre a diferença das versões impressa e digital do exame. Tal preferência deve ser sinalizada no momento da inscrição e após o preenchimento do formulário não é permitido trocar de opção.  Pela primeira vez, os participantes não isentos poderão efetuar o pagamento da taxa de inscrição de R$85 – o mesmo do ano passado – por meio de cartão de crédito e Pix, até o dia 27 de maio.

As duas versões da prova, a impressa e digital, serão aplicadas nos mesmos dias, em 13 e 20 de novembro. Elas contam com questões iguais, mesmo tema de redação e tempo de realização. A versão impressa pode ser feita por qualquer pessoa, inclusive os alunos chamados ‘treineiros’, ou seja, aqueles que não vão concluir o Ensino Médio este ano ou que ainda não estão cursando essa etapa.

Já a participação na versão digital é exclusiva para quem já concluiu o Ensino Médio ou que está concluindo essa etapa neste ano. O atendimento especializado é o mesmo nas duas versões do Enem 2022. As provas do Enem digital 2022 serão aplicadas em locais definidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), sob as mesmas condições de segurança e sigilo.

Leia Também:  FOCO NA EDUCAÇÃO -Evento que capacita acadêmicos para trabalhar com Meio Ambiente abre inscrições

A redação será realizada em formato impresso, nos mesmos moldes de aplicação e correção da versão tradicional do exame. A previsão é que, até 2026, o Enem será aplicado integralmente digital. Ou seja, a versão impressa será extinta.

A estudante Laiane Fonseca, 18 anos, já se inscreveu e optou pela versão impressa da prova. Para ela, não há diferença nas duas opções e a forma tradicional passa mais segurança. “Eu me inscrevi logo nos primeiros dias. Eu fiz o exame no ano passado e neste ano vou fazer novamente para testar meus conhecimentos. Pensei em fazer a versão digital, mas optei pela impressa mesmo. Estou na expectativa para os dias das provas”, afirma.

Para a próxima edição, o Inep aceitará documentos digitais de identificação nos locais de prova, como: e-Título, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) Digital e RG Digital. O candidato deve apresentar o aplicativo oficial ao fiscal e capturas de tela não serão válidas. Após a entrada na sala de aula, o uso do celular continuará vetado.

Neste ano, foram liberadas 101.100 vagas para o Enem Digital, que são preenchidas por ordem de inscrição. Uma vez esgotado o limite por cidade, acaba a chance de participar dessa versão. Com questões inéditas, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no primeiro dia de inscrição, a edição de 2022 atingiu a marca de 1 milhão de inscritos.

Leia Também:  FOCO NA EDUCAÇÃO - Linguagem neutra na redação deve ser evitada, alerta professora

Cronograma do Enem 2022

  • Inscrições para o Enem 2022: 10 a 21 de maio de 2022
  • Prazo para pagamento da taxa de inscrição: 10 a 27 de maio de 2022
  • Solicitação de atendimento específico e especializado: 10 a 21 de maio de 2022
  • Solicitação de uso do nome social: 23 a 28 de junho de 2022
  • Divulgação dos locais da prova: prazo ainda não informado
  • Aplicação das provas do Enem 2022: 13 e 20 de novembro de 2022

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO ATUALIDADES

FOCO CIDADES

EMPREENDEDORISMO

CULTURA E EVENTOS

SAÚDE E BEM ESTAR

MAIS LIDAS DA SEMANA