BRASÍLIA

FOCO NAS NOTÍCIAS

Governo Federal utiliza imagens de satélites em alta resolução para apoiar municípios de Pernambuco afetados pelas chuvas

Publicados

FOCO NAS NOTÍCIAS

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), dispõe de recursos de última tecnologia para atuar em grandes ocorrências de desastres naturais, como as fortes chuvas que atingem o litoral do Nordeste. Na quinta-feira (02/06), o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) da Defesa Civil Nacional produziu, em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), imagens de satélites em alta resolução do estado de Pernambuco. O material vai ajudar nas ações de apoio à população e no resgate de vítimas.

As imagens de geoprocessamento são elaboradas pelo International Charter Space and Major Disasters. O Governo Federal participa de um mecanismo de cooperação global que proporciona o fornecimento gratuito dessas informações, que são produzidas por 17 agências espaciais, com base em informações de 61 satélites, e utilizadas por 131 países.

Apoio federal em Pernambuco

Na quinta-feira (02/06), o Governo Federal autorizou o repasse de mais de R$ 1,3 milhão à cidade pernambucana de Camaragibe, afetada pelas fortes chuvas dos últimos dias. A portaria com a liberação dos recursos foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Leia Também:  Mitos e verdades sobre nutrição

Os investimentos serão usados na compra de itens de assistência humanitária, como cestas básicas, colchões, kits de limpeza e de higiene pessoal, entre outros. Este é o primeiro repasse para Pernambuco desde o início das ocorrências. A cidade de Paudalho também já enviou pedido de recursos, que está em análise pela Defesa Civil Nacional.

Segundo dados da defesa civil de Pernambuco, até o momento, foram registradas 126 mortes em razão do desastre. Além disso, 9,3 mil pessoas ficaram desabrigadas e foram levadas para 111 abrigos em 27 municípios. Ao todo, 51 cidades foram afetadas pelas fortes chuvas, sendo que 31 já tiveram a situação de emergência decretada.

Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional.

Fonte: Brasil.gov

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

FOCO NAS NOTÍCIAS

Número de estupros de LGBTQIA+ cresceu 88% em 2021

Publicados

em

Por

Os crimes de estupro contra a população LGBTQIA+ cresceram 88,4% entre os anos de 2020 e 2021, revelou hoje (28) o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, documento elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Em números absolutos, o registro dos estupros passou de 95 notificações em 2020 para 179 no ano passado. O número real de casos, no entanto, deve ser ainda maior porque foram computadas apenas as informações fornecidas pelas secretarias de Segurança Pública estaduais e pelas polícias.

O balanço, por exemplo, não computa dados de estados como São Paulo, Bahia, Maranhão, Minas Gerais e Rio de Janeiro, que não forneceram ou não dispõe de informações detalhadas sobre o tema. Além disso, há que se considerar também a subnotificação dos casos já que muitas pessoas não registram a violência das quais foram vítimas.

Na contramão dos dados nacionais que revelaram queda no número de mortes intencionais, os assassinatos de pessoas LGBTQIA+ registraram crescimento de 7,2% no ano passado. Em 2020, o balanço computou 167 homicídios dolosos [intencionais] contra essa população. Em 2021, foram computadas 179 mortes. O número deve ser ainda maior já que diversos estados deixaram de divulgar essas informações.

Leia Também:  Serviço Geológico alerta para cheias no Amazonas

Outro crime que também apresentou alta estatística foi a lesão corporal dolosa contra as pessoas LGBTQIA+, que passou de 1.271 notificações para 1.719, um crescimento de 35,2%.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO ATUALIDADES

FOCO CIDADES

EMPREENDEDORISMO

CULTURA E EVENTOS

SAÚDE E BEM ESTAR

MAIS LIDAS DA SEMANA