BRASÍLIA

FOCO NAS OPORTUNIDADES

Foco nas Oportunidades! Está pensando em empreender? Veja os negócios que estão em alta em 2021.

Publicados

FOCO NAS OPORTUNIDADES

Postado por Silvana Scórsin Durante a pandemia, diversos profissionais precisaram se reinventar e começaram seu próprio negócio Impulsionada pela pandemia de Covid-19, a instabilidade econômica atingiu boa parte da população mundial. Por essa razão, muitos empreendedores buscaram a autonomia profissional e começaram seu próprio negócio. O conceito de Empreendedorismo está diretamente relacionado à visão de novas oportunidades de negócios. Nesse cenário, é preciso ser criativo e diferenciado para conseguir sobreviver em um mercado altamente competitivo. Pensar em negócios lucrativos é um grande desafio, principalmente em um contexto de recessão e incertezas. No entanto, é possível acompanhar as mudanças do mercado para suprir as novas demandas do consumidor. De acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), mais de 11 milhões de empresas foram criadas por necessidade nos últimos anos no Brasil. A maioria das novas empresas é classificada como microempreendedor individual (MEI), ou seja, uma pessoa que trabalha por conta própria e se formalizou como pequeno empresário. Diversos negócios direcionados ao bem-estar e a coisas relacionadas à necessidade básica da população foram abertos e isso reflete no crescimento da procura por negócios que antes não eram tidos como essenciais. Por isso, separamos três ideais de negócios em alta para 2021. Confira! 1 – Alimentação saudável O consumo de alimentos saudáveis teve um grande impulso durante a pandemia de Covid-19. De acordo com dados do Euromonitor Internacional publicados em 2021, as vendas de produtos de apelo saudável atingiram R$100 bilhões em 2020 – um recorde histórico no país. Com isso, o mercado abriu espaço para os produtos orgânicos certificados, sem glúten, com menor teor de sódio e vegetarianos. Nesse cenário, pode ser o momento ideal para abrir seu negócio de marmitas saudáveis ou vender produtos naturais pela internet, por exemplo. 2 – Clubes de assinatura De livros a cosméticos, vinhos, cafés e até produtos do universo geek, os clubes de assinatura estão em alta no mercado brasileiro. De acordo com dados publicados pela consultoria Betalabs em 2021, o setor cresceu 60% em 2020 e já soma mais de quatro mil clubes ativos, dos quais 800 foram abertos durante a pandemia. Nesse modelo de negócio, os assinantes recebem mensalmente um kit de produtos selecionados. Os segmentos de maior destaque foram os clubes de entregas de alimentos, sites de assinatura de produtos orgânicos, plataformas de assinatura de entretenimento e clubes de livros infantis. 3 – Mercado EAD Os cursos no ensino a distância (EAD) estão entre os negócios mais lucrativos para 2021. Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), mostram que cerca de 1,7 milhão de brasileiros realizaram matrículas em cursos EAD em 2020. Os números são reflexos da pandemia, que apresenta um cenário propício e uma grande oportunidade para esta iniciativa. É possível entrar no mercado EAD de diversas formas, sem precisar ter uma instituição de ensino. Para começar, você pode criar um curso online, e-books ou abrir um canal no YouTube para monetizar seus conteúdos, por exemplo. Estude com bolsas de estudo EAD Quem não quer deixar de lado o sonho de começar uma pós-graduação ainda neste semestre por conta da pandemia de Covid-19, pode optar por dar início ao ensino superior na modalidade a distância. O Educa Mais Brasil oferta bolsas de estudo EAD para diversos cursos, e você pode se tornar um bolsista do programa. Para conseguir o benefício basta conferir as oportunidades disponíveis no site do programa e fazer a inscrição. Fonte: Agência Educa Mais Brasil

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  FOCO NAS OPORTUNIDADES - Inep seleciona professores para ajudar na elaboração de questões do Enem 2022
Propaganda

FOCO NAS OPORTUNIDADES

FOCO NAS OPORTUNIDADES –

Publicados

em

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O 6º CICLO DO RENOVADF

A Secretaria de Trabalho abre inscrições para 6º Ciclo do curso de qualificação profissional RENOVADF. São 2.500 (duas mil e quinhentas) vagas, destinadas à participação de curso de qualificação profissional de Auxiliar de Manutenção, com noções de diferentes profissões tais como: Carpinteiro, Jardineiro, Eletricista, Encanador, Serralheiro e Pedreiro.

O RENOVADF consiste em um programa de qualificação profissional da Secretaria de Trabalho em parceria com a Secretaria de Governo em atendimento às demandas das Administrações Regionais. Sendo que os cursos são de iniciação profissional e aplicados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal – SENAI/DF, com duração de 240 horas (três meses), com 4h diária. Os alunos deste 5º iniciaram as aulas noturnas, com aulas práticas de recuperação dos viadutos da cidade.

Os alunos do RENOVADF recebem capacitação profissional, com noção básica na área de construção civil, com aulas de forma presencial e, enquanto se qualificam, os próprios alunos recuperam os espaços públicos de nossa cidade. Eles recebem kit uniforme, com camiseta, bota, capa de chuva, garrafa d’água, boné, equipamento de proteção individual, lanche e, mais, Bolsa Benefício no valor de um salário mínimo, além de auxílio transporte e seguro contra acidentes pessoais.

Leia Também:  FOCO NAS OPORTUNIDADES - Inep seleciona professores para ajudar na elaboração de questões do Enem 2022

Para participar do RENOVADF é necessário ser pessoa física, brasileiro nato ou naturalizado, ou estrangeiro em situação regular no país, que esteja desempregado em busca de nova qualificação e/ou requalificação na área da construção civil; ser maior de 18 (dezoito) anos; comprovar a situação de desemprego (validação será realizada pela SETRAB); e comprovar residência no Distrito Federal.

Não poderão participar do Programa: Mulheres gestantes; Pessoas com restrições de mobilidade; Pessoa que já tenha participado do Programa RENOVADF.

As inscrições estão abertas de forma eletrônica no site da Secretaria de Estado de Trabalho www.trabalho.df.gov.br, no período de 13/05/2022 a 23/05/2022.

Para auxiliar nas inscrições, a Secretaria de Trabalho disponibiliza suas 14 Agências do Trabalhador para o atendimento às pessoas que tenham dificuldade para realizar sua inscrição. Os atendimentos nas Agências do Trabalhador funcionam das 8h às 17h.

fonte: Assessoria de Comunicação

Secretaria de Trabalho

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO ATUALIDADES

FOCO CIDADES

EMPREENDEDORISMO

CULTURA E EVENTOS

SAÚDE E BEM ESTAR

MAIS LIDAS DA SEMANA