BRASÍLIA

GERAL

Foco Intercultural! Data Nacional do Azerbaijão – Artigo do Embaixador Elkhan Polukhov

Publicados

GERAL

Postado por Silvana Scórsin Queridos amigos, Gostaria de dar as boas vindas a todos na nossa recepção dedicada ao Dia da República – dia da independência da República do Azerbaijão. Este ano, comemoramos o 103º aniversário da Independência do Azerbaijão.
No dia 28 de maio de 1918, a República Democrática do Azerbaijão, a primeira democracia secular do mundo muçulmana foi proclamada. Em 1991, após o colapso da União Soviética, o Azerbaijão restaurou sua independência e imediatamente enfrentou muitos desafios externos e internos, mas devido à visão estratégica e a sábia política de Heydar Aliyev, líder nacional do Azerbaijão, o país conseguiu superar esses desafios e alcançar estabilidade e prosperidade. Hoje, o Azerbaijão, sob a liderança do Presidente Ilham Aliyev, tornou-se um dos países mais estáveis politicamente e economicamente da região e do mundo. Através da obras de energia transregionais, transporte, infraestrutura logística e muitos outros projetos, o Azerbaijão tornou-se um líder regional e agora representa mais da metade do PIB da região do Sul do Caucaso.
Localizado no cruzamento de culturas e civilizações, o Azerbaijão, cujo território fazia parte da antiga Rota da Seda, abriga hoje uma sociedade moderna e secular que se orgulha de sua diversidade. Falando sobre o principal desafio que o Azerbaijão tem enfrentado desde a restauração de sua independência em 1991, precisamos afirmar que a agressão militar da República da Armênia e a ocupação de 20% das terras do Azerbaijão foram encerradas em 2020, depois de 44 dias de guerra. No dia 10 de novembro de 2020, os líderes do Azerbaijão, da Rússia e da Armênia assinaram uma declaração de adesão que pôs fim a este conflito. O Azerbaijão libertou suas terras e restaurou a soberania sobre suas fronteiras reconhecidas internacionalmente. Agora, o governo do Azerbaijão está concentrado na reabilitação dessas terras, restaurando as comunicações na região, o retorno dos refugiados às suas casas e medidas de consolidação da paz. Hoje o Azerbaijão tem e sempre teveuma política externa independente, equilibrada e multidimensional. Nosso país provou ser um parceiro confiável na cooperação em níveis globais, regionais e sub-regionais. O Azerbaijão atribui grande importância ao desenvolvimento em grande escala das relações com o Brasil. É importante mencionar que em 2017, pela primeira vez em nossas relações bilaterais, o Ministro das Relações Exteriores da República Federativa do Brasil fez uma visita oficial ao Azerbaijão e em maio de 2019, o Presidente do Congresso Nacional senhor Rodrigo Maia realizou uma a segunda visita oficial ao Azerbaijão, ele foi premiado com a medalha do Parlamento do Azerbaijão por sua dedicação ao desenvolvimento e fortalecimento das relações entre nossos países. Várias visitas bilaterais em diferentes niveis foram implementadas antes da pandemia global que forçou a limitar nossas comunicações e passar para o mundo virtual, mas temos vários planos para o futuro! O Azerbaijão e o Brasil desfrutam de excelentes relações e nos últimos anos desenvolvemos uma dinâmica positiva através do diálogo político, o crescente volume de comércio, visitas oficiais e de trabalho e intercâmbios interparlamentares nas áreas da cultura, juventude, educação e esporte. Tenho certeza de que o Azerbaijão e o Brasil irão ter mais oportunidades de aprofundar as relações e, através de esforços conjuntos, os laços entre os dois países serão ainda mais estreitos nos próximos anos. Da mesma forma que no ano passado, devido à pandemia Covid-19, nossa Embaixada decidiu comemorar esta data importante por meio de uma série de eventos de caridade com o objetivo de apoiar a parte vulnerável da população local. Dentre tais eventos podemos citar doação de 800 máscaras para os alunos e professores da Escola Municipal Azerbaijão, no Rio de Janero, que leva o nome do pais, 100 cestas básicas para a entidade filantrópica Associação Jovens do Futuro em São Paulo e apoio aos moradores das Travessa do Azerbaijão em São Paulo. Neste momento difícil para o mundo inteiro, comprometemo-nos com as atividades que trarão benefícios às pessoas mais afetadas e queremos expressar a nossa profunda gratidão a todos e a todos que aderiram à nossa alegria e enviaram os seus cumprimentos em ligação com a celebração da República Dia do Azerbaijão! Muito obrigado!! Doação de cestas básicas Escritora Andreia Hiromi, na Rua Azerbaijão em São Paulo Jornalista Fabiana Ceyhan falando em seu programa com Senador Anastasia, Deputados e amigos do Azerbaijão que cumprimentaram o país pela Data Nacional Fonte: Fabiana Ceyhan – jornalista

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  FOCO NO TURISMO! Brasília é convidada para a campanha " MEU DESTINO É O BRASIL"
Propaganda

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO NAS NOTÍCIAS – Governo Federal institui Programa de emprego e capacitação voltado para mulheres e jovens.

Publicados

em

Foto: Presidente Jair Bolsonaro e a Deputada Federal Celina Leão/PP

Foto: Deputada Federal Celina Leão/PP

O presidente da República, Jair Bolsonaro, assinou em cerimônia no Palácio do Planalto, nesta quarta-feira (4), Medida Provisória que institui programa voltado à inserção e à manutenção das mulheres e jovens no mercado de trabalho e Decreto que visa criar 100 mil novas vagas de aprendizagem profissional e contribuir para melhorar a qualificação e a empregabilidade dos jovens. A ação faz parte do Programa Renda e Oportunidade (PRO), uma série de medidas lançadas pelo Ministério do Trabalho e Previdência para alavancar a retomada do emprego e da economia no País.

O ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira, destacou os 2 milhões e 700 mil novos empregos criados em 2021 no Governo do presidente Jair Bolsonaro, “o maior número dos últimos 10 anos. E somente no primeiro trimestre de 2022 já são mais de 600 mil novos empregos e podemos sonhar que até o final de 2022 a gente consiga superar todas as expectativas”.
O novo programa cria uma série de medidas para impulsionar as boas práticas na promoção da empregabilidade das mulheres, como a flexibilização do regime de trabalho, a qualificação em áreas estratégicas para ascensão profissional e apoio a mulheres no retorno ao trabalho após a licença maternidade. Ao grupo feminino, a MP prevê a implementação de várias medidas de apoio à parentalidade na primeira infância – via reembolso creche ou a liberação de valores do FGTS para auxílio no pagamento de despesas e manutenção ou subvenção de instituições de educação infantil pelos Serviços Sociais.
Será ainda incentivada a flexibilização do regime de trabalho dos pais após o término da licença maternidade, para apoio às mulheres no retorno ao trabalho nesse período, tais como a implantação do regime de tempo parcial e compensação de jornada por meio de banco de horas, além da jornada de 12 horas trabalhadas por 36 horas ininterruptas de descanso, quando a atividade permitir, além da antecipação de férias e flexibilização do horário de entrada e de saída.
O programa foca na empregabilidade das mulheres, especialmente aquelas que sofrem impacto direto da maternidade – até os cinco anos de idade dos filhos – no que se refere à capacidade de inserção, permanência e progressão no mercado de trabalho. Também institui o “Selo Emprega + Mulher”, para promover nas empresas a adoção de boas práticas na contratação, ocupação de postos de liderança e a ascensão profissional de mulheres.

Foto: Deputada Federal Celina Leão/PP

Na solenidade de assinatura foi convidada a discursar pelo Presidente da República, Jair Bolssonado, a coordenadora da Bancada Feminina da Câmara dos Deputados, a deputada federal, Celina Leão. Em seu discurso Celina Leão, a deputada quebrou o protocolo e iniciou cumprimentando as mulheres presentes, a primeira dama Michelle Bolsonaro.

Leia Também:  Foco na Saúde! Saúde DF recebe R$ 60,8 milhões de crédito suplementar para enfrentar a Covid-19

Em seu discurso, a parlamentar Celina Leão, ressaltou que , em sua legislatura, aprovou 162 leis voltadas às mulheres (algumas ainda tramitando no Senado).  Jair Bolsonaro sancionou 66 delas, ato nunca feito antes por outro presidente. Sancionando inclusive, leis de autoria de deputadas da oposição, reconhecendo o trabalho da bancada feminina sem discriminação.

“A medida provisória, revoluciona a questão de como o Estado olha a parentalidade responsiva, situações onde o homem também poderá desfrutar da licença maternidade, saque do FGTS para pagamento de creche entre várias outras ações progressistas. “, afirmou Celina Leão.

Foto: Deputada Federal Celina Leão/PP

Para os jovens, o programa busca aumentar as oportunidades de formação e de inclusão produtiva do adolescente e do jovem por meio da aprendizagem profissional. Foram criadas 100 mil novas vagas de aprendiz e foi instituído o Projeto Nacional de Incentivo à Contratação de Aprendizes, por meio do qual as empresas participantes terão benefícios para regularizarem o cumprimento da cota de aprendizagem, com uma estimativa de contratação de 250 mil adolescentes e jovens ainda este ano.
Também foram estabelecidas medidas para incluir mais adolescentes e jovens vulneráveis na aprendizagem, com prioridade para o público do Auxílio Brasil, adolescentes em acolhimento institucional, aqueles provenientes do trabalho infantil, entre outros. A MP e o Decreto trazem ainda medidas para melhorar a formação do aprendiz e para integrar a aprendizagem profissional ao novo ensino médio da rede pública de ensino, contribuindo para que os adolescentes e jovens permaneçam na escola enquanto são qualificados e ingressam no mercado de trabalho. A MP amplia também o prazo máximo da aprendizagem de dois para três anos e cria incentivos para que as empresas efetivem os aprendizes em contratos de trabalho por tempo indeterminado após a conclusão do programa de aprendizagem.

Leia Também:  FOCO ESPECIAL

Fonte: ascom Ministerio do trabalho e previdência

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FOCO NAS NOTÍCIAS

FOCO ATUALIDADES

FOCO CIDADES

EMPREENDEDORISMO

CULTURA E EVENTOS

SAÚDE E BEM ESTAR

MAIS LIDAS DA SEMANA